terça-feira, 21 de agosto de 2012

"Que o que falta em você..." ♫

 Abramovic e UIay - Imponderabilia 1977


            Olhares trocados, corações quase que a rasgar o peito. Doía, mas evitavam o piscar de olhos pra não perder um segundo sequer daquele ato. Foi assim que eles se amaram pela ultima vez.



5 comentários:

Winny Trindade disse...

Amar é sempre uma dor.

Fique mais um segundo... disse...

Oi, Jéssica, bom dia!!
Quando amamos, não sabemos se será a última vez, dai não vem dor alguma, mas apenas a sensação maravilhosa de felicidade e prazer.
Mas quando saber ser a última vez, por mais que abramos os olhos, embora seja para aproveitar cada momento, na verdade estamos produzindo cada momento de dor. Dor que se guardará para o resto da vida. A melhor escolha seria não se permitir amar sabendo ser a última vez. Evitaria tanta dor incontida!... Mas quem tem coragem?
Um beijo carinhoso
Doces sonhos
seu fã
Lello

Mayara Cruz disse...

Boa noite!

Adorei seu blog..
seguindo :))

Daíse disse...

Olá!!!!
Gostei de tudo o que vi aqui: textos, imagens... Aliás, você escreve muito bem!
Voltarei sempre!!!
Beijinhos!!!!

Paty disse...

Oi Jéssica, que belas palavras, o amor é uma dor gostosa de sentir^^
Bjoos!!